Translate

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

CARNAVAL

Ciclo carnavalesco



Carnaval ou entrudo é um festejo que antecede a quarta feira de cinza. São três dias de comemoração que pode acontecer em clube, no formato de bailes, ou na rua, ora com desfile de blocos, ora com trios elétricos. 

A terça-feira de carnaval é conhecida como “Terça-feira gorda” ou "Mardi Gras", como dizem os franceses. É o ultimo dia de festejo, pois na Quarta Feira inicia a Quaresma. 



A palavra Carnaval surgiu do latim “carnelevamen” que foi modificado para o "carne vale". Essa significa"adeus à carne", pois segundo a regra crista no carnaval as pessoas estavam liberadas para consumir carne, enquanto que na quaresma deveriam fazer abstinência deste alimento.



Originalmente era um festejo pagão em homenagem ao deus Baco ou Dionísio, destinada a celebrar à fertilidade e ao vinho nos conhecidos bacanais da Grécia e da Roma antiga. A tradição se espalhou pela Europa adquirindo características próprias. 



O cristianismo incorporou esta tradição dando um novo significado. Desde o século XI passou a ser uma celebração que precede a morte e ressurreição de Jesus Cristo. Ocorre exatamente 40 dias antes da Páscoa.


Carnaval no Brasil

O carnaval foi introduzido no Brasil pelos Portugueses. Essa trazia influencia dos entrudos (latim “introitu”, entrada) cuja a principal característica era causar a desordem, a bagunça e o barulho. Era normal, durante as brincadeiras, molhar, sujar e até mesmo bater nos participantes com seringa de água, baldes etc. As gargalhadas eram o auge das reações de sustos.

No Brasil a festa foi ganhando característica das diferentes etnias do povo brasileiro e assim ganhou um sentido próprio. A tradição europeia foi incorporando elementos da raça negra como o batuque, baianas, samba etc

O carnaval passou a fazer parte da identidade do país pelo qual somos reconhecidos no exterior. Algumas cidades se destacam mundialmente. Dentre as quais o Rio de Janeiro com os seus desfiles das escolas de samba; Salvador com trios elétricos; Recife, com o bloco "O Galo da Madrugada"; Olinda, com seus bonecos gigantes. 

Os Bailes de Mascaras no Brasil 

Bailes de Máscaras, também chamados de Bailes à Fantasia ou Bals Masqués foi introduzido no Brasil no inicio do século XIX. Surgiu para confrontar com o entrudo que era um conjunto de brincadeiras. 

Os bailes foram influenciados pelo carnaval de Veneza. Já que no século XV, na cidade italiana havia bailes de máscaras e desfiles luxuosos de fantasias. No Brasil o evento era frequentado somente pela burguesia e se destacava pela elegância e a sofisticação.

Veja as matérias sobre este caso no no link:


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.